Notícias

GREAT PLACE TO WORK INSTITUTE E TELEPERFORMANCE JUNTAM EMPRESAS PARA DISCUTIR NOVOS MODELOS DE GESTÃO MULTICULTURAL

O Great Place to Work® e a Teleperformance Portugal reuniram um grupo de gestores nacionais e internacionais numa iniciativa intitulada “Os Desafios da Gestão Multicultural”. Em análise estiveram temas relacionados com a gestão da diversidade, integração dos colaboradores de várias nacionalidades, organização de equipas e identidade corporativa.

Com 82 nacionalidades e 29 línguas, a Teleperformance Portugal assume-se com uma organização de gestão multicultural, onde a diversidade faz parte de todos os processos internos. Além da cultura e identidade corporativa distintiva, a empresa tem apostado fortemente na criação de um conjunto de estruturas e procedimentos que apoiam e agilizam a integração dos colaboradores que vêm propositadamente de outras partes do mundo para trabalhar em Portugal.

Num encontro que funcionou numa lógica de debate de ideias, fizeram parte da mesa redonda Fernando Braz, CEO da SAS, Mirko Antino, Professor do ISCTE/ Universidade Complutense de Madrid e Investigador de Comportamento Organizacional, Cláudia Teixeira, responsável de Marketing e Comunicação da ROFF e Nuno Flores, Diretor Geral da Introsys. O evento contou, ainda, com João Cardoso, CEO da Teleperformance em Portugal e Maurício Korbivcher, Diretor Geral do Great Place to Work® como anfitriões.

 

Com uma experiência de 14 anos na gestão de uma das organizações mais multiculturais a atuar em Portugal, João Cardoso, CEO da Teleperformance, referiu que “a meritocracia é um dos aspetos mais importantes na gestão da diversidade. Não há qualquer dúvida que uma organização que tem a recompensa e o reconhecimento na sua base, tem o que é preciso para atrair o melhor talento internacional. A par desta premissa, há que ter também em mente que uma organização multicultural é fruto de um investimento mútuo: a empresa aposta no colaborador, mas o colaborador também aposta na empresa”.

 

Mauricio Korbivcher, Diretor Geral do Great Place to Work®, refere que “é fundamental que as organizações com uma elevada diversidade cultural atuem em três eixos: confiança, orgulho e camaradagem Essa intrínseca ligação permitirá criar uma cultura forte que dotará a organização das capacidades necessárias para abordar os desafios de uma gestão multicultural. Na base desta ideia há ainda que ter bem presente que a cultura de uma empresa não se decreta, ela é criada e alimentada pelas pessoas que fazem parte da organização, todos os dias”.

NOTÍCIAS 

//////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

//////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Alameda Fernão Lopes,16A, 7º E4 

1495-190 Algés, Portugal

+351 217261093

+351 960307983

 

apcc@apcontactcenters.pt